Minha Casa

Decoração, reforma e construção ao seu alcance!

Quais são as madeiras mais resistentes ao ataque de cupins?

João Carlos Gonçalves de Souza, São Paulo

“Peroba-do-campo, ipê (1), pau-ferro (2), imbuia, peroba-rosa (3), jacarandá, copaíba, braúna e sucupira (4)”, lista Sidney Milano, biólogo e diretor da PPV Controle Integrado de Pragas (tel.11/5063-2413), de São Paulo. “Certas substâncias produzidas ao longo da vida da árvore se acumulam no cerne e são tóxicas para os insetos. Por isso, apenas essa porção mais escura e interna da tora apresenta resistência”, alerta. Tome cuidado com móveis industrializados feitos de sobras de madeira. “A qualidade dependerá da resistência de cada componente”, afirma Gonzalo A. Carballeira Lopez, biólogo do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT – tel. 11/3767-4000). Sidney explica que alguns materiais, a exemplo do compensado, recebem proteção contra cupins no processo de fabricação. O tratamento mais profundo, no entanto, é a autoclave, em que a matéria-prima é submetida a ciclos de vácuo e pressão. E nem pense em trocar os móveis se a casa tiver focos da praga. “É preciso resolver o problema antes, chamando uma empresa que identifique o inseto e a infestação”, conclui Gonzalo.

 

(Fotos 1 e 4: André Fortes, Foto 2: Luis Gomes e Foto 3: Levi Mendes Jr.)

Exibições: 873

Comentar

Você precisa ser um membro de Minha Casa para adicionar comentários!

Entrar em Minha Casa

 

Assine já!

© 2017   Criado por TI Abril.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço